Sacola de compras
contém 0 produtos
Entrar na loja
Cadastre-se
Todos os produtos à pronta entrega
Dicas e Estilo

Atendimento

E-mail
  • Fale Conosco

  •  



    Cadastre-se e receba novidades em seu e-mail.
    Nome:

    e-Mail:



    Dicas e Estilo - Como atar sua gravata
    Dicas e Estilo - Como atar sua gravata

    Não encontrou o que procurava?
    Dicas e Estilo - Origem da gravata - A História da Gravata
    História da gravataAlguns nós de gravataDicas sobre gravataDicas de estiloEstilo Retrô -Gravata Skinny


    Ressaltamos que não dispomos de estilista na loja para esclarecimento de dúvidas específicas, este espaço é apenas uma demonstração de nosso empenho em ajudar-lhe nas dúvidas básicas de estilo.

    Um pouco de História

    A gravata é um acessório utilizado por milhões de pessoas no mundo todo. Homens, em sua grande maioria. E, apesar de caracterizar as pessoas que trabalham em escritórios, lojas ou outros serviços cujo traje a inclua, a gravata é uma forma que a pessoa tem para expressar sua personalidade. Cada pessoa usa a gravata com uma determinada estampa, produzida com um material específico e com o nó feito de certa maneira. Aqueles que têm conhecimento sobre este acessório elegante do nosso vestuário podem certamente levantar dados da personalidade de alguém apenas observando a gravata que este usa.

    Os primeiros indícios do uso de acessórios semelhantes a uma gravata datam do terceiro século A.C.. Durante algumas escavações, em 1974, foram desenterrados 7.500 corpos de guerreiros chineses. Todos tinham no pescoço um tipo de lenço, vagamente parecido com uma gravata. No entanto, o que realmente originou o uso da gravata em larga escala em todo o mundo foi a Guerra dos Trinta Anos, que devastou a Europa durante o século XVII. Esta guerra colocou o Sagrado Império Romano contra a Aristocracia Boêmia Protestante. Os franceses, pertencentes ao segundo grupo, tinham seu exército formado quase que inteiramente por mercenários. Dentre eles havia um grupo de guerreiros croatas, que tinham como parte da vestimenta um tipo de lenço no pescoço, semelhante ao que seriam as gravatas pouco depois. Os guerreiros franceses, então, começaram também a utilizar este adereço. Ao fim da guerra, a aristocracia francesa, buscando assemelhar–se a seus guerreiros para conquistar a simpatia do povo, começou também a usar os lenços no pescoço. O rei da Inglaterra, saindo de seu exílio na França, levou a seu país a nova moda. A partir daí, o uso das gravatas se espalhou por toda a Europa, ajudado pelo frio daquela região, já que ajudavam a manter o pescoço aquecido. Com a expansão marítima, o uso se espalhou também pelos novos continentes.

    O século XIX foi marcado por combates ideológicos entre quem usava gravatas brancas e quem usava gravatas pretas. Estas últimas começaram a se espalhar pela Europa naquela época, o que não era aprovado pelos tradicionalistas da gravata branca. Apesar desse "combate", os anos 1800 foram a era de ouro das gravatas, com manufatureiros (gravateiros) surgindo por todos os lados. Guias sobre os nós também surgiam. Começavam, também, discussões sobre a gravata e a personalidade. Balzac escreveu que a gravata de um homem de gênio é bem diferente da de um homem medíocre. Todo homem deveria saber qual a gravata ideal para seu temperamento, como tratá-la, limpá-la, passá-la. Nessa época começa a aparecer um tipo de gravata que mais tarde seria chamado de gravata borboleta. Essa foi uma era sem igual no mundo de fantasia que girava em torno da gravata. Livros, discussões filosóficas, muita coisa girava em torno da gravata. Naquele momento surge uma classe obrigada a usar gravata em seu trabalho: os funcionários de escritórios.

    A gravata foi se desenvolvendo durante os tempos, acompanhando a evolução de outras peças de vestimenta, até chegar ao estágio em que se encontra hoje. Sabe–se que já neste século, um gravateiro de Nova Iorque chamado Jesse Langsdorf, criou uma técnica que dividia a máquina de fazer gravatas em três partes, o que possibilitava a fabricação de gravatas mais elásticas. A partir daí, apesar de mudanças um pouco drásticas na moda dos anos 50 e 60, a gravata permaneceu com seu formato clássico até hoje. No entanto, isso não impede que a pessoa se expresse por sua gravata, através de diferentes estampas, materiais, nós e acessórios, que vêm fazendo deste século um capítulo à parte na história das gravatas. Não se sabe exatamente quem foi o criador do modelo de gravata utilizado nos nossos tempos. Sabe–se que elas foram se desenvolvendo e se adaptando às mais diversas situações. Os tecidos mudaram muito, foram do natural ao semi–sintético, depois ao totalmente sintético e voltaram ao natural ou a tecidos mistos. Hoje em dia, vários tipos de tecidos são utilizados na confecção de gravatas, cada um tem suas vantagens e desvantagens, e deve ser tratado de maneira diferente.

    Dr. Gravata - CNPJ 04.298.647/0001-00 - Campinas/SP Copyright © 2008 - 2018 Dr. Gravata - Acessórios com Estilo - Todos os direitos reservados
    Preços e condições de pagamentos válidas para o dia de hoje ou enquanto durarem os estoques.

    Atendimento Principal Formas de Pagamento Desenvolvimento
  • A empresa Dr. Gravata
  • Fale Conosco
  • Sua Segurança
  • Privacidade
  • Envio de Produtos
  • Rastrear Pedido
  • Página Inicial
  • Cadastre-se
  • Entrar na Loja
  • Esqueceu sua senha?
  • Como Comprar
  • Dicas e Estilo
  • Aceitamos todos os cartões de crédito.
         Boleto Bcash.
         Débito online Itaú com 10% de desconto. Loja virtual criada e administrada por:
    Você não precisa mais ir ao shopping ou loja para comprar gravatas; compre gravatas de todos os tipos e para todas as ocasiões na web store Dr Gravata, sua gravataria personalizada na web.
    A gravata certa para cada camisa, gola / colarinho. Acessórios da moda masculina: gravata borboleta, gravata com nó pronto, suspensório, meia, prendedor, abotoadura.
    Aprenda como dar (atar) nó em gravata e conheça a história da gravata e diversas dicas de estilo e moda masculina, inclusive o nó de gravata mais apropriado.
    Tags: Gravata, tie, necktie, corbata, binden, cravate, cravatta.